> home  
 
   
     
 
EDUCOMUNICANDO - 137
 
     
     
     
  > Voltar  
     
 
 
 
   
     
 

Reconhecendo Talentos

Artigo Publicado no site: www.artigonal.com, em 22/01/2010. Por Michael Jullier Gama Alves

 

Muito se pergunta nas organizações modernas sobre as razões da dificuldade em se encontrar talentos no mercado. Vários consultores de empresa apresentam o argumento de que há muitas pessoas nas empresas, porém poucos talentos. Por quê?

Na realidade não é tão difícil encontrar talentos quanto de pensa, pois os talentos estão por aí. Em uma empresa com quinhentos colaboradores é inaceitável dizer que não há talentos. O que acontece, na verdade, é que os talentos são negligenciados pelas empresas que apontam a dificuldade em encontrá-los.

A maior dificuldade não consiste em encontrar talentos, mas em reconhecê-los. As empresas não reconhecem talentos por vários motivos:

- Não querem: Preferem contratar profissionais reconhecidos no mercado do que perder tempo com análises para identificar potencialidades entre os próprios colaboradores;
- Não sabem: Não dispõem dos recursos necessários para identificar talentos entre os seus próprios trabalhadores e não conseguem identificar os tipos de perfis;
- Medo: Muitos chefes ainda temem perder o cargo para jovens talentos recém-saídos da faculdade que chegam às empresas cheios de novas idéias e com forte desejo de impactar a organização.

Muitas são as outras razões para isso e assim esses talentos são alocados de maneira inadequada, sujeitando-se a situações burocráticas e meramente rotineiras de trabalho, o que culmina com a total subutilização do seu potencial.

O talento precisa ser aproveitado em situações de trabalho criativo e não apenas em exposição a rotinas burocráticas, alienando o seu potencial. Isso significa que o gestor moderno precisa conhecer cada membro de sua equipe de forma individual para descobrir quais são os talentos, habilidades/potencialidades e fraquezas presentes.

Assim, o gestor pode, ocasionalmente, apresentar ao colaborador situações de trabalho onde o seu talento será melhor aproveitado, suas habilidades serão mais desenvolvidas e suas fraquezas minimizadas. A possibilidade de usar a criatividade, além de promover a motivação, oferece suporte para potencializar as habilidades.

Não é difícil, basta apenas que os gestores observem mais as pessoas com as quais trabalham e acreditem no potencial de cada membro da equipe, de modo a alocá-los de acordo com as suas habilidades sem o medo de perder os cargos para os novatos, caso contrário os talentos continuarão sendo negligenciados.

 

 
  > Voltar  
     
   
  copyright © uniqual | webdesign hiroshi homma ®